Postagens

Bolsonaro baixa o tom sobre coronavírus, mas volta a distorcer orientação OMS

Em novo pronunciamento na televisão, na noite desta terça, o presidente admitiu que o coronavírus 'é uma realidade'. Jair Bolsonaro não defendeu o isolamento parcial (apenas de pessoas no grupo de risco), como vinha fazendo em seus últimos discursos, mas seguiu falando sobre a preocupação com a economia. Analistas estão avaliando o pronunciamento como mais ponderado que o da última semana.


O presidente Jair Bolsonaro baixou o tom em seu discurso sobre o novo coronavírus, em pronunciamento em rede nacional de televisão e rádio exibido na noite de 31 de março de 2020, mas voltou a distorcer o discurso do diretor-geral da Organização Mundial de Saúde, Tedros Adhanom, como já havia feito em entrevista na manhã desta terça, para alegar que, agora, até a entidade internacional estaria defendendo o retorno ao trabalho — o que a própria OMS já havia negado.


Fonte: Após chamar Covid-19 de 'gripezinha', Bolsonaro diz que ela é o 'maior desafio da geração' / Twitter



Justiça do Paraguai decide manter Ronaldinho Gaúcho e Assis presos

SEMANA DE CLÁSSICO: COLETIVA DO GOLEIRO TADEU

Políticos franceses alertaram para a visita de torcedores da Juve após surto de coronavírus na Itália

Após divulgar mensagem de Bolsonaro, jornalista é alvo de ataques nas redes sociais

Escolas usam Carnaval para fazer militância política

Botafogo quer Yaya Touré, diz Rádio Globo

Cícero vira líder, se aproxima do elenco e passa a exercer novo papel no Botafogo de 2020

NOVIDADES DE FLAMENGO X GLOBO I DETALHES DO FICO DE GUARÍN NO VASCO

Kobe Bryant, astro da NBA, morre em acidente de helicóptero nos Estados Unidos

O INTERNACIONAL PARA 2020 E A PROJEÇÃO DO TIMETITULAR!

Após acertos com Pedro Rocha e Michael, atacante do Flamengo entra na mira do Gil Vicente

Dúvidas trabalhistas: afinal, posso ter mais de um emprego ao mesmo tempo?