Decisão de apoiar Catar para a Copa teria sido do governo brasileiro

A escolha das sedes ocorreu em dezembro de 2010 e, entre os cartolas com poder para decidir quem receberia a Copa do Mundo, estava Ricardo Teixeira, ex-presidente da CBF e ex-membro do Comitê Executivo da Fifa.



 Oficialmente, a CBF vota sem qualquer consideração política e o voto não é do país, mas do cartola que ocupa o cargo na Fifa, mas neste caso o dirigente teria tomado a decisão orientado pelos interesses do Governo brasileiro.



Decisão de apoiar Catar para a Copa teria sido do governo brasileiro - Esportes - EstadãoReinaldo Cruz | Questão Brasil | Tecnologia da Informação: Decisão de apoiar Catar para a Copa teria sido do ...:

Postagens mais visitadas deste blog

Atlético MG derrota o América e vai decidir o mineiro com o Cruzeiro