segunda-feira, 6 de março de 2017

A vez de Aécio, Jucá, Padilha, Franco e… Janot vai solicitar ao STF inquérito sobre políticos com foro, diz Jornal – Profissão Político

sergio-moro-aecio-neves-michel-temer-foto-premiacao-revista-istoe-1024x616-400x230

Rodrigo Janot sabe que a Constituição não permite, mas para dar pérolas aos porcos, a Folha diz que ele estaria estudando a viabilidade jurídica para incluir Michel Temer como alvo destes inquéritos. 

 Na lista estariam dois ministros do governo do Temer: Eliseu Padilha (Casa Civil), atualmente licenciado para tratamento médico, e Moreira Franco (Secretaria-Geral da Presidência). 

 A Folha de S. Paulo também diz que a PGR quer investigar os senadores Edison Lobão (MA) e Romero Jucá (RR), do PMDB, e José Serra (SP) e Aécio Neves (MG), do PSDB. 

Não foram mencionados pelo Procurador Geral o Senador Renan Calheiros e nenhum Deputado Federal, mas só para não perder o hábito, os nomes dos ex-presidentes Dilma Rousseff e Luiz Inácio Lula da Silva figuram com destaque nos pedidos de Janot, assim como os ex-ministros Guido Mantega e Antonio Palocci, além do marqueteiro João Santana e governadores, ex-governadores e ex-parlamentares. 

 A Operação Lava Jato esta completando três anos, e até agora não incomodou circunstancialmente os políticos que tem foro privilégiado. 

Se os inquéritos não forem abertos logo e as punições demorem a ocorrer, o descredito do MPF e da própria Lava Jato será colocado em xeque

Seguidores