quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016

Gols: Vasco 2 x 0 Volta Redonda - Carioca 2016 #QuestãoBrasil via @Reinaldo_Cruz



Gols: Vasco 2 x 0 Volta Redonda - Carioca 2016.
O Vasco da Gama venceu a terceira seguida no Campeonato Carioca, desta vez sem empolgar, e manteve campanha com 100% de aproveitamento. 

O Volta Redonda foi a vítima desta quarta-feira (10), em jogo em São Januário que terminou em 2 a 0.

O primeiro gol foi marcado por Nenê, em cobrança de pênalti irregular assinalado pelo auxiliar, aos 15 minutos do segundo tempo.

Thalles, que havia acabado de entrar, tentou cabecear para a meta, mas a finalização foi interceptada pelo zagueiro Mailson – a bola pegou na barriga do defensor e o juiz, corretamente, deixou a partida seguir. Pouco depois, o bandeirinha assinalou a infração. Nenê cobrou rasteiro, no lado direito do goleiro, que pulou para o outro canto.

O segundo foi anotado por Thalles. Em contragolpe, Nenê escapou pela esquerda e cruzou rasteiro para o atacante, de carrinho, empurrar para a rede. 

Com o triunfo, o clube segue na liderança do Grupo A, agora com 9 pontos, dois a mais do que o também invicto Boa Vista – que derrotou o Tigres por 3 a 2 na rodada.

Embalado, o Vasco da Gama agora espera o Flamengo em clássico do domingo (14), de novo em São Januário. Para o duelo, não terá o zagueiro Luan, que foi expulso nesta quarta. 
VASCO 2 x 0 VOLTA REDONDA

Local: São Januário, Rio de Janeiro (RJ)

Data e hora: 10 de fevereiro de 2016, às 19h30 (horário de Brasília)

Árbitro: Bruno Arleu de Araújo

Cartões amarelos: Bruno Barra (Volta), Luan (Vasco), Jorge Henrique (Vasco), Nenê (Vasco), Martín Silva (Vasco), Rodrigo (Vasco)

Cartões vermelhos: Luan (Vasco)

Gols: Nenê (Vasco), aos 15' do segundo tempo, Thalles (Vasco), aos 48' do segundo tempo

Vasco: Martin Silva; Mádson (Bruno Gallo), Rodrigo, Luan e Julio Cesar; Julio dos Santos, Andrezinho e Nenê; Éder Luis (Thalles), Riascos e Jorge Henrique (Yago Pikachu)

Técnico: Jorginho

Volta Redonda: Mota; Marrone (Rafael Pernão), Luan, Mailson e Cristiano; Bruno Barra, Marcelo, Vinícius Pacheco (Pedro Isidoro) e Dija Baiano (Luiz Gustavo); Tiago Amaral e Niltinho

Técnico: Ricardo Cruz
#QuestãoBrasil via @Reinaldo_Cruz

Seguidores