domingo, 13 de dezembro de 2015

De falastrão a rei em 13s: McGregor cumpre promessa e derruba José Aldo | Blog de Goiânia

Irlandês consegue nocaute relâmpago no primeiro round da luta principal do UFC 194, evento sediado em Las Vegas, e se sagra novo campeão mundial peso-pena.

O irlandes falastrão já havia dito que o UFC seria um antes dele e outro após sua aparição nos octognos do mundo. Chegaram a compara-lo ao não menos falastrão e provocador Chael Sonnen, mas a diferença crucial entre os dois é que Sonnen provoca e nunca vence ninguém, enquanto McGregor tem cumprido a risca as ameaças que faz.

Bom de microfone, melhor ainda lutando.
Conor McGregor falou, falou e falou mais um pouco. E cumpriu: o irlandês fez jus à fama de “vidente” ao destronar José Aldo e, agora de fato, se consagrar como “rei” dos pesos-penas do UFC. O “Notório” encerrou o reinado do brasileiro como prometeu, ainda no primeiro round do evento principal do UFC 194, neste sábado, em Las Vegas. E só precisou de 13 segundos para tal, um recorde em lutas valendo cinturão no Ultimate.

Para sua luta mais aguardada do ano, o UFC preparou uma festança. Apagou as luzes, desenrolou telas brancas para exibir os melhores momentos de McGregor e projetar as cores da bandeira irlandesa. Quando o “Notório” surgiu no telão, com um sorriso maníaco, seus compatriotas começaram sua típica cantoria. As mesmas telas exibiram imagens de José Aldo fazendo sinal pedindo silêncio, e derrotando seus desafiantes no UFC. A bandeira brasileira coloriu a tela e, quando o manauara surgiu no túnel, recebeu uma sonora vaia, logo substituída pelos cantos de “Olê, olê, olê, olê”. Os dois não tocaram luvas, armando o cenário para a épica batalha.
assuntosdegoias321112


Seguidores