Cara a cara, suspeitos discordam sobre homicídio de mãe e gêmeos https://www.youtube.com/watch?v=qlwfxzQtiD0

No momento de tirar fotos na tarde desta sexta-feira, os suspeitos foram colocados lado a lado e iniciaram uma discussão. Segundo Matusalém, após atirar na jovem, Antônio seguiu de carro e atirou nas crianças, voltando para o carro transtornado. “Mais em cima, perto da entrada da fazenda, ele falou para parar o carro e disse que só deixaria as crianças pra alguém pegar. Ele já apontou a arma para mim e disse para eu não chegar. Eu escutei dois disparos, ele já veio correndo e disse pra eu virar o carro para baixo e levá-lo, porque ele já tinha 'desgramado' a própria vida e jogado o revólver fora. Ele estava irreconhecível”, contou.
Em resposta, Antônio Pires acusou Matusalém de planejar toda a ação para deixá-lo evidente como autor do crime. “Você me colocou em frente ao Parque de Exposições para a câmera ficar me filmando. Você veio correndo e me chamando para entrar no carro. Isso que você fez é feio, me fez entregar dinheiro na loja de celular falando que era para pagar o táxi que vinha com uma mulher. Você me iludiu e não falou nada do que estava acontecendo, tramou certinho”, retrucou.
G1 - Cara a cara, suspeitos discordam sobre homicídio de mãe e gêmeos - notícias em Triângulo Mineiro


Postagens mais visitadas deste blog

Atlético MG derrota o América e vai decidir o mineiro com o Cruzeiro